_MVG2562.JPG

Maré de Matos

Natal

 

Graduada em artes visuais na escola guignard (uemg), mestre em teoria literária (ufpe), doutoranda (diversitas, usp). pesquisa invenção da raça e narrativa de si, imaginário e delírio da modernidade, subjetividade e poéticas negras e exercita o tensionamento entre versão e verdade; poder e posição; representação e responsabilidade. se interessa pela poesia como política de emancipação e defende o direito à emoção de sujeitos privados do estatuto de humanidade. seus trabalhos situam-se, sobretudo, na vizinhança entre os territórios da imagem e da palavra.
 

"O verso 'quilombizar a língua' requisita a tecnologia do quilombo como fonte agregadora de sentido diante dos vocabulários coloniais. reflete ainda sobre a relação entre as palavras reduzido e seduzido e aposta em si mesmo, em oposição à postura diminuta frente ao estrangeiro."

Maré de Matos

Graduation in Visual Arts at Guignard - University of Art of Minas Gerais (UEMG), Master in Literary Theory (UFPE), now a doctoral student (Diversitas, USP). She researches the invention of race and self-narrative, imagery and delirium of modernity, subjectivity and black poetics. Maré exercises the tension between version and truth; power and position; representation and responsibility. She is interested in poetry as a politics of emancipation and she defends the right to emotion of subjects deprived of the status of humanity. Her works are, above all, in the interface between the territories of image and word.

"the verse 'quilombizar a lingua' (quilombizing the language) requires the technology from the quilombo as a source of meaning facing colonial vocabularies. he reflects on the relationship between the words reduced and seduced and it bets on himself, in opposition to the subordinated attitude towards the foreigner."

Maré de Matos

Artista transdisciplinar.

Quilombizar a língua, 2022 | Quilombizing the language, 2022

Localização: Avenida Hermes da Fonseca, Natal -RN