OUTDOOR_MCZ_MONTAGEM (28 of 43).jpg

Anna Bella Geiger

Maceió

 

IMAGINÁRIO GEOPOÉTICO

 

Pensar a arte é pensar tanto local como globalmente, e a artista Anna Bella Geiger é prova disso. Com uma extensa produção desde os anos 50, na qual utiliza recursos como a fotomontagem, a fotocópia, o uso do cartão postal, e a videoarte, foi uma das pioneiras da arte abstrata brasileira e desde os anos 1970 a sua obra se insere numa atitude conceitual.

 

Ao longo de sua trajetória, a artista buscou utilizar materiais considerados tradicionais no meio artístico, assim como restos de obras, resíduos, lixos e materiais efêmeros, que lhe sirvam como veículos para alcançar os resultados de uma poética capaz de transmitir o que lhe afeta ou emociona nesta sua vivência, enquanto artista e ser humano.

 

Formada em Artes Plásticas e em Língua e Literatura Anglo Germânicas na Faculdade Nacional de Filosofia, no Rio de Janeiro, iniciou seus estudos em Arte Moderna em 1949 no atelier da artista alemã refugiada da Segunda Guerra Mundial, Fayga Ostrower, no Rio de Janeiro e em seguida foi para Nova York estudar  com a filósofa e socióloga Hannah Levy Deinhardt na New School for Social Research e no Metropolitan Museum of Art. Em 1982 recebeu a Bolsa da John Guggenheim Memorial Foundation, em Nova York. Foi professora na Universidade de Colúmbia, onde também expôs em 1969, e desde o ano 2000 leciona na Escola de Artes Visuais, EAV do Parque Lage, e no HISK (Hoch Schule Kunst) em Ghent, na Antuérpia.
 

Reconhecidamente uma das artistas mais importantes do Brasil. Foi pioneira da vídeo-arte no país e uma das grandes expoentes da primeira geração de artistas conceituais latino-americanos. Sua trajetória, marcada por rupturas e pela multiplicidade de meios e assuntos, começa na década de 50 e primeiros anos da década 60, ligada sobretudo ao abstracionismo informal, conjugando a abertura para o imprevisto, espontâneo, com um profundo rigor com a forma.

Anna Bella Geiger (Rio de Janeiro, 1933) lives and works in Rio de Janeiro. She is acknowledged as one of the most important artists in Brazil. She was a pioneer of video art in the country and one of the greatest exponents of the first generation of Latin American conceptual artists. Her career, marked by ruptures and by the multiplicity of means and subjects, begins in the 1950s and early 60s, mainly connected to informal abstractionism, open to the unforeseen, the spontaneous, with a deep rigor concerning form.

(Rio de Janeiro, 1933) vive e trabalha no Rio de Janeiro

A arte Diga Conosco BU-RO-CRA-CIA, 2022 | About Art Repeat After Us BU-REAU-CRA-CY, 2022

Localização: 01196 - sentido Shopping Miramar, Maceió - AL